Descubra como ser um Assistente Virtual e o que fazer para conseguir uma vaga em 2023

Os últimos acontecimentos no mundo levaram diversas pessoas à procura por aprender como ser um assistente virtual.

Isso se deve principalmente ao fato de que é uma profissão que pode ser exercida de casa, por qualquer pessoa habilitada, bastando ter internet e um computador básico.

Já se sabe que essa profissão é essencial para o mercado digital, pois as empresas dependem dos serviços que são prestados pelo assistente virtual, o que a torna primordial para o crescimento dos negócios.

Porém, para ter sucesso nessa profissão tem que ficar atento às novidades que surgem, pois muitas empresas dependem desse profissional para zelar por seu nome.

A seguir você terá as respostas para suas principais dúvidas em relação à profissão, e também vai entender a importância desse profissional dentro de todas as organizações, não importando o tamanho delas.

1. O que é um Assistente Virtual?

O assistente virtual é o profissional que presta serviços a empresas como o representante virtual da organização.

Ou seja, sempre que surgir alguma dúvida ou demanda de algum cliente, o assistente virtual irá fazer esse primeiro contato para encaminhá-lo para a melhor solução do caso.

Porém, esse profissional não fica só nessa opção, há um leque enorme de funções que podem ser exercidas , que no caso são bem amplas, veja alguns exemplos:

  • Secretariado
  • Administrativo
  • Comercial
  • Financeiro, etc.

2. O que faz um assistente virtual?

O que faz um Assistente Virtual?

Além de atender as demandas dos clientes das empresas, o assistente virtual transita por diversas áreas que podem ser trabalhadas remotamente, tais como:

2.1 Assistente Virtual Administrativo:

  • Criação de Planilhas
  • Verificação de e-mails
  • Relatórios gerenciais
  • Apoio a contratações de funcionários e estagiários

2.2 Assistente Virtual Comercial:

  • Planejamento e execução de ações para aumento de vendas
  • Prospecção de novos clientes
  • Gerenciamento de fornecedores e prestadores de serviços
  • Relacionamento pós-venda, etc.

2.3 Assistente Virtual Marketing Digital:

  • Gestão de leads captados pelo infoprodutor
  • Gestão de redes sociais juntamente com o social media
  • Pesquisas de mercado,
  • Assessoria às demandas profissionais dos infoprodutores, etc.

2.4 Assistente Virtual Pessoal

  • Organizar agendas,
  • Reserva de Hotéis e compra de passagens aéreas,
  • Solicitação de orçamentos pessoais,
  • Organização financeiras de contas pessoais
  • Contratação e manutenção de funcionários domésticos, etc. 

3. Como ser um Assistente Virtual?

Para ser assistente virtual é necessário verificar primeiramente se você possui ou está disposto a aprender algumas habilidades necessárias da profissão, tais como:

  • Conhecimento em marketing Digital
  • Facilidade em lidar com público
  • Habilidade com computador e internet
  • Boa comunicação escrita e verbal
  • comunicação verbal
  • Disciplina
  • Iniciativa para resolver problemas pertinentes ao trabalho
  • Ser organizado
  • Flexibilidade e boa gestão de tempo

No mais essa profissão exige treinamentos e atualizações constantes, por se tratar de uma ocupação totalmente digital.

O futuro profissional deve também ter em mente que nem sempre vai ter essa flexibilidade que parece, por ser home office.

Principalmente para quem trabalha com lançamentos de infoprodutos, haverá períodos com bastante demanda de tempo e serviços, porém, será muito bem recompensado no final.

4. Qual é a rotina de um Assistente Virtual?

A rotina de um assistente Virtual?

Um assistente virtual  tem uma rotina como de qualquer profissional do mercado de trabalho, seja remoto ou não.

Apesar de ser um trabalho que pode ser prestado do conforto de seu lar,  tem obviamente  prazos e obrigações a cumprir durante a jornada.

Porém, devido a possibilidade de flexibilidade, o assistente virtual poderá  alinhar suas tarefas de acordo com o tempo que tem durante o dia, já que nem todas as empresas exigem dedicação exclusiva.

5. Qual a importância do Assistente Virtual no Marketing Digital?

O assistente virtual é  um profissional de extrema importância no marketing digital pois tem a função de atender os clientes dos infoprodutores.

Essa função, se tornou imprescindível nos lançamentos, pois há a necessidade de do apoio desse profissional nas ferramentas de “topo de funil”, como:

  • whatsapp, 
  • email, 
  • telegram, 
  • facebook, etc, 

A recuperação dos chamados “carrinhos abandonados “ também é uma das funções dos assistente virtual, pois a recuperação das vendas pode dar um grande retorno financeiro nos lançamentos dos infoprodutos.

6. Como conseguir uma vaga para Assistente Virtual Home office?

Assistente Virtual

A decisão de se tornar um Assistente Virtual já foi tomada, por isso agora vamos à procura de uma vaga na área.

Pra começar observe bem os seguintes aspectos da profissão:

6.1 Escolha um nicho

Nicho é a área especifica que se pretende atuar, por exemplo:

  • atendimento da área médica
  • Lançamentos de Infoprodutos
  • Vendas de infoprodutos perpétuos
  • Serviços administrativos
  • Recuperação de carrinhos
  • Pré-vendas
  • Prospecção de clientes. etc

6.2 Tenha um bom sinal de internet e um bom computador

Investir em uma boa internet e um bom computador é o básico para ser um profissional de destaque, pois são as ferramentas necessárias para um bom atendimento aos cliente e execução das tarefas pertinentes ao cargo.

6.3 Faça um perfil bem completo em todas as redes sociais

O assistente Virtual tem que ter um bom perfil em redes sociais, se possível profissional e bem organizado.

Comece já  nas seguintes redes sociais:

O ideal é que sejam perfis apenas para a profissão, e não misturá-los com vida pessoal para não parecer amadorismo e falta de profissionalismo aos olhos dos contratantes.

6.4 Faça abordagens “não invasivas”

Uma forma de prospectar clientes para a profissão é mandar mensagens oferecendo seus serviços, nas redes sociais ou sites de empresas.

Só ter o cuidado para não ser insistente demais e não parecer desesperado pela vaga.

Se coloque à disposição caso alguém tenha interesse nos seus serviços e seja interessante.

6.5 Tenha em mente qual o tipo de serviço irá oferecer

Ao oferecer os serviços de assistente virtual, saiba qual área ou nicho deseja seguir.

Se especialize em um e vá em frente no oferecimento.

Escolha se você gosta mais de atender clientes, ou organizar agenda, serviços financeiros e administrativos, ou comerciais, enfim, o que você tiver mais afinidade.

6.6 Cadastre-se nas plataformas de freelancers

Plataformas como workana, 99 freela, getninjas, freelancer, etc, são ótimas para conseguir contatos de trabalho.

Vale a pena para conhecer o mercado e ter consciência do tipo de empresas ou pessoas que precisam do trabalho de assistente virtual.

6.7 Entre em grupos especializados

Os grupos de facebook ainda reúnem milhares de pessoas interessadas em um assunto.

Porém não vale ser apenas grupos especializados na profissão de assistente virtual, vá onde seu potencial cliente está, e faça essa conexão.

No instagram , além das abordagens no privado, faça comentários de valor e que ajudem outras pessoas, essa é a famosa “pesca em balde” que já gerou muitos contatos de trabalho para os assistente virtuais.

O linkedin é uma plataforma especializada em contatos profissionais, por isso além de um perfil completo e otimizado, interagir com pessoas e grupos é essencial para conseguir destaque na plataforma.

6.8 Faça um bom currículo 

Um currículo bem apresentável, um portfolio, um perfil completo no linkedin é o básico para quem quer ter uma oportunidade na área de assistência virtual nos dias atuais.

6.9 Seja persistente

Por fim, persistir muito, pois quem está começando vai ouvir vários nãos.

Porém essa profissão apesar de ser bem recente, é essencial, e às vezes as pessoas nem sabem que precisam, e depois que descobrem não vivem sem.

7. Assistente Virtual pode ser MEI?

Sim, a profissão de assistente virtual, apesar de ser 100% online é um serviço de apoio administrativo, por isso se encaixa nas lista de atividades permitidas para o MEI (Microempreendedor Individual).

Saiba mais no artigo: Confira o passo a passo para abrir MEI gratuitamente.

8. Qual CNAE para Assistente Virtual?

8219-9/99 – Preparação de documentos e serviços especializados de apoio administrativo não especificados anteriormente

8.1 Esta subclasse compreende:

  • o serviço de preparo de documentos
  • o serviço de digitação de textos
  • os serviços de preenchimento de formulários, colocação de selos e despacho de correspondência, inclusive de material de publicidade
  • os serviços de apoio à secretaria
  • a redação de cartas e resumos
  • o serviço de transcrição de documentos
  • as atividades de registro e de cadastramento de usuários, exceto para fins de certificação digital

9. Qual a formação para ser Assistente Virtual?

Formação para Assistente Virtual

Além das habilidades básicas como atendimento ao público, gostar de informática em geral e ter boa escrita, o assistente não necessita de curso superior na área administrativa para exercer a profissão.

Porém, a profissão tem algumas particularidades, já que é nova e é um trabalho completamente online.

Por isso, sempre indicamos aqui o curso completo de formação de Assistente Virtual que vai do básico a avançado para te ajudar a ser um excelente profissional nesse mercado tão amplo e democrático.

Vale a pena conferir, clique aqui e conheça!!

10. Como se destacar na profissão?

Sem dúvidas, a profissão de Assistente Virtual  exige muita disciplina e responsabilidade do profissional.

Há ainda possibilidade de ser freelance ou MEI (Microeemprendedor Individual) e assim atender vários clientes ao mesmo tempo.

O mercado digital, principalmente o de lançamentos, permite essa flexibilidade.

Porém, caso você seja um profissional que prefere a segurança e a estabilidade de uma carteira assinada, há também uma boa demanda.

O importante é saber aproveitar o mercado que está em alta e se consolidar como um profissional de confiança que é tudo que as empresas e os infoprodutores procuram.

Perguntas Frequentes

Quanto ganha um Assistente Virtual?

O salário médio de um Assistente Social é em média R$ 1550,00, porém trabalhando como autônomo os valores podem chegar a casa de milhares de reais mensais.

Quem contrata Assistentes Virtuais?

Empreendedores em geral, infoprodutores, comerciantes, pessoas físicas e profissionais liberais.

Como ganhar dinheiro sendo assistente Virtual?

Se especializando na área e oferecendo os serviços de Assistente Virtual nas redes sociais e na internet em geral.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *